Adunemat Promove Evento Para Lançamento De Programação Política E Cultural Em Comemoração Aos Seus 30 Anos

No dia 09 de agosto, a Associação dos Docentes da Unemat (ADUNEMAT) promoverá, em Cáceres, um coquetel de lançamento do calendário de atividades políticas e culturais a serem desenvolvidos pelo Sindicato nos próximos meses em comemoração aos seus 30 anos de existência, lutas e conquistas. Na ocasião, também será inaugurada a primeira sede própria do Sindicato, uma conquista patrimonial da categoria que, desde a sua fundação contou com sedes provisórias para o atendimentos de seus sindicalizados.

A associação, fundada em novembro de 1989, chega nos seus 30 anos com uma rica trajetória de lutas e conquistas, tanto para os docentes, quanto para a universidade do Estado de Mato Grosso. Tais conquistas são baseadas na participação ativa do Sindicato em todos os processos de estruturação e organização da universidade e da carreira docente nos últimos 30 anos.

A luta travada pelo sindicato possibilitou, dentre outras conquistas, a organização da carreira docente na Unemat, a forma de trabalho na universidade e a própria remuneração. Na época que a universidade foi fundada os salários dos professores não se diferenciavam dos salários dos trabalhadores do estado no geral. Eram salários baixos que não atraiam a vinda de profissionais qualificados para a universidade. A luta da ADUNEMAT foi fundamental para que houvesse uma valorização substantiva do salário docente, atraindo professores qualificados de diversas partes do Brasil.

Ainda, a luta pelo direito à qualificação docente e a luta pelo direito à autonomia da universidade, foram determinantes nesses 30 anos de organização. Hoje a UNEMAT é a instituição com mais quadros qualificados em nível de mestrado e doutorado no Estado devido à luta sindical pelo direito de qualificação docente. A luta pela autonomia da universidade levou a regulamentação de dispositivos constitucionais de financiamento, o que fez com que a universidade pudesse ter recursos legais para seu financiamento público.

Hoje, o atual estatuto da UNEMAT tem uma participação direta de toda a base do sindicato que participou do congresso da unidade em 2008 e lutou para que ele se materializasse. A lei complementar 3019 de 30 de junho de 2008 (que altera e revoga dispositivos da Lei Complementar n° 30, de 15 de dezembro de 1993 e adota outras providências) e a Lei complementar 320 de 30 de junho de 2008 (que dispõe sobre alteração do Plano de Carreira dos Docentes da Educação Superior da Universidade do Estado de Mato Grosso, seus respectivos cargos e subsídios e dá outras providências), são resultados diretos da luta sindical. Um dos pontos importantes da Lei 320 é, por exemplo, a conquista da Dedicação Exclusiva como regime de trabalho pelo qual o professor tem o direito de optar.

Com lutas e vitórias em sua trajetória, a ADUNEMAT chega nos seus 30 anos com força total na defesa da universidade, da educação pública e de qualidade. A crítica ao processo de desenvolvimento de expansão da UNEMAT sem critérios, objetivos e sem financiamento é uma luta em ênfase em 2019.

A ADUNEMAT se mostra um grande e importante instrumento na construção da carreira docente no Estado e no processo de estruturação e organização da UNEMAT, tanto no seu desenvolvimento no campo da pesquisa, da extensão ou da graduação. O Sindicato comemora seus 30 anos lançando um calendário de atividade políticas e culturais que evidenciam sua preocupação com questões relacionadas ao conjunto dos direitos da classe trabalhadora no Estado de Mato Grosso e no Brasil, enfatizando sua luta na resistência ao fascismo, ao estado de exceção e pela retomada da democracia.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here